“Descoberta do Mês” – janeiro 2019

Em Maio de 1974, o símbolo da Universidade encontrava-se definido, prevendo-se acrescentar uma legenda ou símbolo no livro-águia. Finalmente em Outubro de 1976 a insígnia “Theoria”, “Poiesis” e “Praxis”, proposta pelo Professor Miguel Baptista Pereira, com arranjo gráfico do arquiteto Trabulo, foi aprovada  pela Comissão Instaladora dando posteriormente o Reitor  oportunidade à comunidade académica de se manifestar em relação à adoção da insígnia a escrever nas folhas do livro do emblema da UA (nota serviço 29-R/76).

Nota serviço nº 29-R/76 de 3.11.76

O símbolo da UA era então representado por uma águia,

o grifo, numa aproximação às armas de Aveiro, o livro expressa a defesa da sabedoria, nas vertentes ensino e investigação, as palavras gregas “Theoria”, “Poiesis” e “Praxis”representam a dimensão actual da investigação teórica, tecnológica, artística e humanística e a esfera armilar simboliza a universalidade do saber.

Estatutos da Universidade de Aveiro, Despacho Normativo nº 52/89 de 1 de junho de 1989, Anexo I.

Esta entrada foi publicada em Arquivo, Universidade de Aveiro com as tags . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.