Literacia e Pensamento Crítico

Ao fim de três anos é publicado um novo artigo na prestigiada (A1 para o QUALIS) Revista Brasileira de Educação com o título:

Literacia e pensamento crítico:
um referencial para a educação em
ciências e em matemática

O mesmo está disponível em:

http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1413-24782013000100010&script=sci_arttext&tlng=pt

Boas leituras e todos os comentários e sugestões são bem-vindos!

 

Metas de Ciências

Estão em fase de discussão pública as propostas de Metas Curriculares de Ciências Naturaishttp://www.dgidc.min-edu.pt/index.php?s=noticias&noticia=390 (5º ao 8º ano de escolaridade) e de outras disciplinas do 2º e 3º Ciclos do Ensino Básico (CEB).

Apelo a todos (Professores, Pais, investigadores, …) que participem nesta discussão  até ao dia 25 de Março de 2013. Todos os contributos deverão ser enviados para o endereço de e-mail: metas.curriculares@mec.gov.pt.

Considero, ainda decorrente de uma primeira leitura das mesmas, que se perde mais uma oportunidade de fazer um novo programa, dado que, por exemplo, o do 2º CEB tem mais de 20 anos. Esta operacionalização do mesmo serve o quê? Quem? Para quê? …

Seria pois importante perceber a matriz, princípios e investigações recentes nesta área que foram tidas em conta no desenvolvimento deste trabalho que agora está à discussão!

Museu de História Natural, Londres - Dezembro de 2012
Museu de História Natural, Londres – Dezembro de 2012

Educação em Portugal

No passado dia 5 de março, na sua edição de aniversário, o jornal Público procurou apresentar um retrato de Portugal. São dados e análises que preocupam!

Nas páginas 20 e 21 surge a educação, com informações como as que a seguir se reproduzem:

Captura de ecrã - 2013-03-09, 23.25.58

São várias as questões sobre as quais importar pensar.

Por exemplo, como lidar com a ligeira diminuição dos alunos, mas com o aumento dos que têm apoios socioeconómicos? A diminuição do PIB da educação trouxe eficiência ou, pelo contrário, está e vai acarretar uma degradação da qualidade educativa e dos resultados nas aprendizagens dos alunos?

O que pensam os professores que estão nas escolas? Como sentem as mudanças educativas? Como vivem nas suas práticas educativas a situação económica e social atual? …

Termino com uma bela fotografia de Teresa Soares que me parece retratar muito bem este belo “país à beira mar plantado”!

2013, com autorização de Teresa Soares
2013, Costa Nova – Aveiro (com autorização de Teresa Soares)

Professores do Sec. XXI

Acaba de ser publicado um relatório “Teachers for the 21st Century -Using Evaluation to improve Teaching” (clique em cima do título para aceder ao documento completo) da OCDE, o qual apresenta dados e recomendações muito relevantes para a formação e avaliação de Professores. Com o propósito que esta sirva  para que as escolas possam atingir as suas metas destaco deste relatório:

  • Os quadros de referência para esta avaliação de Professores, de vários países, é promotor do seu Desenvolvimento Profissional e procura ter em conta a investigação em Educação que tem vindo a ser produzida. Veja-se o exemplo seguinte do Canadá (província de Ontario).

Captura de ecrã - 2013-03-03, 16.44.03

  • É proposto, como base na revisão do “mapa” de vários países em análise e de trabalhos de investigação, um “framework for teaching” com 4 componentes:

• planning and preparation: demonstrating knowledge of content and pedagogy, demonstrating knowledge of students, selecting instructional goals, designing coherent instruction, and assessing student learning;

• the classroom environment: creating an environment of respect and rapport, establishing a culture for learning, managing classroom procedures, managing student behaviour, and organising physical space;

• instruction: communicating clearly and accurately, using questioning and discussion techniques, engaging students in learning, providing feedback to students, demonstrating flexibility and responsiveness; and

• professional responsibilities: reflecting on teaching, maintaining accurate records, communicating with families, contributing to the school and district, growing and developing professionally, showing professionalism.

  • Da revisão feita o relatório conclui com as lições que se podem tirar até ao momento sobre a avaliação de Professores e que se sistematiza na caixa seguinte retirada da página 71 do relatório.

Captura de ecrã - 2013-03-03, 17.03.47