Discurso Atual

Desta vez venho divulgar o discurso atual do Professor António Nóvoa sobre “A Universidade e a Liberdade”, como vencedor do Prémio Universidade de Coimbra 2014, na sessão solene comemorativa do 724º aniversário da UC:

Deste destaco duas passagens:

  • “O regresso a visões tradicionalistas, retrógradas parece estar na moda destruindo a cultura e o pensamento crítico” (cerca dos 15 min).
  • “Estamos a atingir o limiar da irresponsabilidade. […] Precisamos de recuperar uma liberdade académica que temos vindo a perder e um sentido de universidade que se encontra num serviço público franco e desinteressado” (cerca do 19 min).

Manifesto

O manifesto que foi esta semana divulgado em Portugal merece discussão e reflexão séria. O mesmo pode ser visto em vários locais na net. Remeto para a sua versão integral do jornal Público (clicar abaixo sobre o título):

“Manifesto: Preparar a reestruturação da dívida para crescer sustentadamente”

Estranhamente a discussão não se tem centrado no seu conteúdo mas no timing do mesmo. Têm surgido muitas crónicas, debates (está neste momento a decorrer um na TVI 24 com os cabeças de lista às Europeias) e “narrativas”.

De entre estas destaco a de um dos signatários, que foi hoje publicada no DN: “Os Homens não são todos iguais” (http://www.dn.pt/inicio/opiniao/interior.aspx?content_id=3740253&seccao=viriato).

 

Qual o seu pensar sobre este assunto tão importante para o nosso futuro coletivo?

Deserto do Namibe em Angola, janeiro de 2014 (autoria de Rui Neves)
Deserto do Namibe em Angola, janeiro de 2014 (autoria de Rui Neves)

Pensar em Comunidade

Venho aqui divulgar o Encontro “Filosofia para Crianças e Adolescentes: aprender a pensar em comunidade”, que se realizará na Ilha Terceira dos Açores. Além da Call for Submissions (divulgada também através do link: https://docs.google.com/file/d/0B7zAkuNYBchQZHJabURFMkJwNjQ/edit ), esta realização do  Centro de Estudos Filosóficos da Universidade dos Açores, que irá promover em Angra do Heroísmo, no próximo mês de junho 2014, centra-se numa área que  é fundamental para a promoção do pensar em geral e do pensamento crítico em particular.

Pelo que faço apelo à participação e desejo que o  encontro seja produtivo e traga contributos relevantes nesta área.

Luanda, janeiro de 2014
Luanda, janeiro de 2014

 

Interesse Crescente

Depois desta semana ter tentado sensibilizar os alunos mentores da Universidade de Aveiro sobre a importância do pensamento crítico confirma-se que tem vindo a aumentar o interesse e a investigação por este tipo de pensamento. Além dos cursos, unidades curriculares em várias instituições de Ensino Superior é notório o incremento, também na internet, de referências ao pensamento crítico. São exemplo:

Esperemos que assim continue sustentadamente e com qualidade!