Eduquês?

Sem pretender ser repetitivo volto a remeter para a leitura do manifesto Espanhol que está neste blog no mês de Outubro de 2008 e rapidamente acessível em: http://blogs.ua.pt/ctspc/?m=200810

Deste manifesto destaco, adaptado ao contexto nacional:

  1. Não é verdade que na escola actual predomine um modelo de ensino diferente do convencional 
  2. Não é verdade que os aluno/as de hoje sejam piores que os de outros tempos
  3. Não é verdade que os docentes tenham um excesso de formação pedagógica e um deficit de formação em conteúdos

Neste contexto importa questionar:

  • A quem interessa o discurso do Eduquês?
  • Que propostas concretas e fundamentadas têm esses defensores (de quê?) apresentado? Baseadas em quê (além da crítica destrutiva e ofensiva e do desrespeito por todos os que trabalham e se esforçam pela melhoria da Educação em Portugal)?

poco.jpgQuinta da Regaleira, Junho de 2009

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.