Conteúdos disponíveis no RIA: Como melhorar a acessibilidade?

Um dos objetivos do Repositório Institucional da Universidade de Aveiro – RIA, acessível em https://ria.ua.pt/, é promover o conhecimento e o aumento do impacto da investigação produzida na Universidade, assim como partilhar e dar acesso ao conhecimento científico e técnico, permitindo uma rápida disseminação da investigação produzida na instituição.

Ao nível do formato de disponibilização dos documentos depositados no RIA, o formato PDF é o mais utilizado. O acesso aos conteúdos do ficheiro deve estar acessível a todos os utilizadores, incluindo os utilizadores com deficiência. Por vezes, deparamo-nos com ficheiros PDF onde não estão reconhecidos os caracteres do texto, ou seja, não foi efetuado o Reconhecimento Ótico de Carateres (OCR)

Os PDFs que não passam por este processo apresentam barreiras no acesso aos seus conteúdos. Uma das razões prende-se com o facto de não ser possível copiar partes do texto do PDF para efeitos de citação. Outra das razões que justifica a ampla necessidade de efetuar o OCR ao documento digitalizado está relacionada com o acesso ao conteúdo do documento por parte dos utilizadores com deficiência visual. Estes utilizadores recorrem a uma tecnologia designada leitores de ecrã para efetuar a leitura do texto do documento. Quando este processo não se verifica, o leitor de ecrã não deteta o texto e o utilizador é impedido de aceder aos conteúdos. Neste seguimento, sugerem-se alguns cuidados que devem ser tidos em conta quando se efetua a digitalização de um documento para depósito no RIA ou em outra plataforma.

Cuidados práticosImagem abstracta

 

 

 

 

 

 

 

fonte: Photo by Mr TT on Unsplash

  • Antes de iniciar a digitalização é necessário verificar se o documento apresenta sublinhados ou anotações manuscritas, as quais necessitam de ser removidas;
  • No equipamento utilizado para realizar a digitalização deve ser ativada a opção Reconhecimento Ótico de Caracteres (OCR); deve também ser selecionado o idioma do documento a digitalizar;
  • No momento em que inicia a digitalização do documento é necessário atribuir um título correto e breve ao ficheiro. Caso não tenha conseguido executar este procedimento sugere-se que posteriormente altere o nome do respetivo ficheiro.

mais informação:
Produzir conteúdos digitais acessíveis:
http://blogs.ua.pt/bibliotecaune/index.php/como-posso/produzir-conteudos-acessiveis/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *